TÓPICO: Testes de Protetores Auditivos e Novos Regulamentos
ORIGEM: Departamento de Serviços Técnicos
DATA: 17 de agosto de 2009

panorama geral

A proteção auditiva é uma parte muito importante da segurança pessoal. Quando há exposição a excesso de ruído, o resultado pode ser a perda de audição. A Administração de Segurança e Saúde Ocupacionais (OSHA, na sigla em inglês) tem requisitos sobre o volume de ruído a que um empregador pode expor seus funcionários e requer que controles de engenharia ou administrativos sejam usados para reduzir tais exposições excessivas. A OSHA percebe que nem sempre é possível elimiar a exposição excessiva sem dispositivos de proteção auditiva. A OSHA pode requerer o uso desses dispositivos, mas a Agência de Proteção Ambiental (EPA, na sigla em inglês) regula a a forma de teste e etiquetagem desses dispositivos pelo fabricante.

A Lei de Controle de Ruídos, 40 CFR Parte 211, da Agência de Proteção Ambiental rege os testes e a etiquetagem de dispositivos de proteção auditiva. Dispositivos de Proteção Auditiva incluem protetores auditivos descartáveis, protetores auditivos reutilizáveis, faixas e abafadores de ruído. Todos esses produtos são testados de maneira similar. Por fim, cada fabricante de um dispositivo deve fazer com que seus produtos sejam testados e etiquetados de acordo com esse regulamento. Essa classificação é chamada de Classificação de Redução de Ruído (NRR, na sigla em inglês) e fornece uma nota para a qualidade do funcionamento do protetor sob condições ideais. O regulamento que rege esse sistema de classificação não é atualizado há quase 3 décadas.

Em 5 de agosto de 2009, a EPA lançou uma proposta de revisão do padrão que mudará a forma de teste e classificação dos protetores de audição. Alguns dos motivos para essas mudanças propostas são que há vários novos dispositivos e tecnologias que foram desenvolvidos depois que o regulamento foi elaborado e que são difíceis de classificar sob o sistema antigo. O atual sistema de testes baseia-se em um protocolo de teste que já foi atualizado várias vezes. Por fim, como há grande variabilidade em relação à qualidade do funcionamento de cada protetor em um indivíduo, a EPA propõe que o sistema de classificação reflita isso.

Embora não saibamos ainda como será a etiquetagem de classificação NRR final exigida, a EPA tem indicado que ela provavelmente dará uma gama da qualidade do desempenho de um protetor, dependendo do encaixe em cada indivíduo; essa faixa poderá indicar se um protetor funcionará bem para usuários com um bom encaixe, se funcionará bem para usuários médios e se funcionará bem para aqueles com um encaixe menos do que adequado. Abaixo encontra-se um exemplo da nova etiquetagem proposta:


classificação nrr


Para ver o relatório completo, acesse: http://www.epa.gov/EPA-AIR/2009/August/Day-05/a18003.htm ou http://www.epa.gov/fedrgstr/EPA-AIR/2009/August/Day-05/a18003.pdf

Eis uma visualização rápida das mudanças propostas mais importantes:

  1. Testes de transição exigidos para todos os produtos de HPD existentes, usando os novos métodos de teste e esquema de classificação da ANSI e da EPA.
  2. Etiquetagem de todos os produtos existentes de forma a incorporar as novas informações de faixa de NRR e o novo conteúdo das etiquetas; aplicável tanto a etiquetas primárias como secundárias.
  3. Exigência de que todos os fabricantes cumpram os novo requisitos de teste para todos os produtos de audição dentro de 30 (trinta) dias a partir da data de vigência dessa regra proposta, o que dará tempo apropriado para o esgotamento de todos os estoques existentes que tenham sido testados e etiquetados de acordo com o regulamento de 1979.
  4. Testes recorrentes de todos os HPDs em intervalos de 3 ou 5 anos.
  5. Mudança da etiqueta para refletir a nova gama de NRR de qualquer produto em relação ao qual os testes recorrentes indiquem NRRs que sejam significativametne inferiores ou superiores ao que era anteriormente declarado na etiqueta do produto.
  6. Custos adicionais de manutenção de registros e relatórios pertinentes aos novos testes periódicos.

Solução
Mantenha-se bem informado e esteja preparado para instruir os usuários finais em relação aos nvos regulamentos e sistema de classificação da EPA. Veja todos os nossos produtos de audição no endereço: http://www.moldex.com/hearing-protection/

Links
http://www.osha.gov/dts/osta/otm/noise/hcp/attenuation_estimation.html
http://www.regulations.gov/search/Regs/home.html#documentDetail?R=0900006480a01551
http://www.regulations.gov/search/Regs/home.html#docketDetail?R=EPA-HQ-OAR-2003-0024
http://www.epa.gov/history/topics/nca/



ADVERTÊNCIA: As informações contidas neste Sumário Técnico são datadas e eram precisas, até onde a Moldex saiba, na data acima. Não se destinam a ser abrangentes nem a serem usadas como substituição às instruçoes de uso/advertência que acompanham os respiradores Moldex. Fora dos EUA, verifique todos os regulamentos governamentais aplicáveis e locais.

©2003-2009 Moldex-Metric, Inc. Todos os direitos reservados.